top of page
  • sitetecnoshowcomig

Doma gaúcha de cavalos passou por mudanças e está cada vez mais respeitosa e próxima do animal

Considerada a mais tradicional, técnica de adestramento foi apresentada durante a Tecnoshow Comigo



Existem diversas técnicas para doma de cavalos. A mais tradicional no Brasil é a chamada gaúcha, por conta do local onde teve início. Antes, este era um tipo de adestramento enérgico, até taxado de violento. Tema de uma das dinâmicas de pecuária da 20ª Tecnoshow Comigo, as etapas da doma gaúcha foram detalhadas pelo domador profissional Marcos Silveira na última quarta-feira, 29 de março.


Marcos Silveira aproveitou para desmistificar a ideia de que esta seja uma modalidade agressiva de tratamento do animal. Ele afirma que já foi assim um dia, mas que adaptações foram ocorrendo ao longo do tempo e que, agora, os domadores atuam de maneira respeitosa e próxima ao animal. “A gente precisa saber o comportamento, como o cavalo age, como ele pensa.”


A partir disso, o domador comenta que são realizadas as práticas. “Não é difícil, é preciso se informar e saber o que está fazendo. Antes, se um cavalo dava uma mordida ou um coice, ele era taxado de cavalo bravo, de má índole. Hoje sabemos que ele está se defendendo. Precisamos entender porque ele se defende e como fazer para nos aproximar, com respeito, mas mantendo o domínio.”










Para a doma gaúcha atual, ele destaca que são usadas práticas das domas chamadas americana e índia. Nos dois casos são atividades junto aos animais com técnicas baseadas em confiança entre os dois. “Isso resulta numa relação harmoniosa e respeitosa.” Silveira acrescenta que cavalos ainda filhotes quando começam a ser domados se tornam adestrados mais facilmente, mas garante que é possível domar animais adultos com a mesma técnica.


A doma consiste em amansar o animal, garantir que ele saia das pressões da perna quando se quer que ele ande, saia das pressões da boca quando quer que ele pare. “Na doma, a gente vai tentando sensibilizar o cavalo da melhor maneira possível, mas sabendo que é um cavalo. Ele tem que ter uma certa distância da gente, ele não tem que estar tomando nosso espaço porque a tendência dele é querer dominar e se a gente deixar isso ele vai achar que está nos dominando, e pode ficar agressivo.”


A doma pode ser feita para campeonatos, competições, para passeios ou para a lida no campo. “Os cavalos merecem todo nosso respeito. Chegamos onde chegamos por conta dos cavalos. Quando não tínhamos como ir, o cavalo nos levou. Então, eles merecem ser bem cuidados e bem tratados.” Marcos Silveira é domador há 30 anos e afirma que as técnicas não param de avançar. “A evolução precisa ser diária para que possamos melhorar cada vez mais com estes animais que nos ajudam desde o início dos tempos.”

 

Sobre a Tecnoshow Comigo

Com a proposta de auxiliar o produtor rural, a COMIGO iniciou, em 2002, o trabalho de geração e difusão de tecnologias agropecuárias, em Rio Verde, numa área que hoje ultrapassa 170 hectares (área total do CTC). Neste local, a cooperativa promove experiências tecnológicas o ano todo, em parceria com diversas instituições de pesquisa, de ensino e outras empresas, e realiza a Tecnoshow. A diversidade é uma marca registrada do evento. São máquinas e equipamentos agropecuários, plots agrícolas, animais das mais variadas espécies, palestras técnicas e econômicas, ações socioambientais e dinâmicas de pecuária, entre outros produtos e serviços. Trata-se de uma extensa vitrine de tecnologias para o homem do campo, seja pequeno, médio ou grande produtor.


FICHA TÉCNICA

TECNOSHOW COMIGO 2023 – 20 anos

Data: 27 a 31 de março de 2023 (segunda a sexta-feira)

Local: Centro Tecnológico COMIGO (CTC) - Rio Verde – GO (Rodovia GO 174 S/N área rural de Rio Verde)

Horário: 8 às 18 horas

Entrada gratuita

Site: www.tecnoshowcomigo.com.br

Instagram: @tecnoshowcomigo

Twitter: @tecnoshowcomigo


INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA

Assessoria de Comunicação da COMIGO

Weuller Freitas – (64) 3611-1522 / 99627-9897

Pedro Cabral – (64) 3611-1335 / 99264-3739

Samir Machado – (64) 3611-1647 / 99941-2288


Voltz Comunicação – Assessoria de imprensa da TECNOSHOW COMIGO

Ana Manuela Arantes – (62) 98142-6323 – anamanuela@voltzcomunicacao.com.br

Fernando Dantas – (62) 99227-2631 – fernando@voltzcomunicacao.com.br

Renan Rigo – (62) 98522-6645 – renan@voltzcomunicacao.com.br


259 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page