top of page
  • sitetecnoshowcomig

Na Tecnoshow, projeto conscientiza sobre importância das abelhas para a natureza

Ação faz parte de iniciativas de sustentabilidade da feira e visa orientar e informar população sobre como estes insetos ajudam o meio ambiente e como o agronegócio tem atuado junto deles




A ação das abelhas no meio ambiente colabora para a preservação das matas nativas, mas também são importantes para o agronegócio. Especialmente as espécies sem ferrão são utilizadas de maneira planejada para polinização de lavouras de frutas, soja, café, entre outras. Um projeto de Jaguariúna foi convidado para participar da 20ª Tecnoshow Comigo para conscientizar e apresentar para a população os hábitos destes insetos fundamentais na natureza.


Coordenador de Meio Ambiente da Tecnoshow Comigo, Reginaldo Passos destaca o estande desse tipo de abelha que está presente na feira deste ano. “Eles fazem um trabalho em parceria com a Embrapa. Conversam com os visitantes sobre a importância das abelhas para a natureza e para a polinização das frutas. Serve para mostrar para a população que o agro também cuida.” Ele diz isso pelo aumento de produtores que estão locando colmeias para realização da polinização em suas áreas.


O biólogo e monitor do projeto Kombee, Fernando Quenzer, está na feira deste ano e diz que, especialmente no Sul, os produtores vêm aderindo à locação de colmeias para polinização. “Algumas culturas têm dependência alta das abelhas e os apicultores levam as colmeias. Depende muito da região para determinar que tipos de abelha vai ser mais eficiente, mas na maioria dos casos, levamos mais de um tipo para que o trabalho seja mais eficiente.”


Fernando explica que as abelhas sem ferrão, quando fazem a polinização, também atuam na reconstituição de florestas tropicais e conservação de remanescentes florestais. Estes insetos são responsáveis pela polinização de 30% das espécies de biomas como a Caatinga e Pantanal e até 90% das espécies da Mata Atlântica, segundo dados da Embrapa. Assim, a proteção dos meliponíneos, que são as abelhas sem ferrão, está diretamente ligada à preservação flora e a fauna silvestres.


Fernando detalha que muitos produtores já se preocupam com estes insetos e fazem trabalho de identificação dos meliponários, que são as colmeias das abelhas sem ferrão, para que não haja aplicação de defensivos agrícolas ou outras ações para prejudicá-las. “Os produtores estão se conscientizando da importância das abelhas e trabalhando pela sua preservação e isso é muito bom. Precisamos que isso seja mantido e ampliado para garantir a preservação da nossa fauna e da nossa flora.”







Kombee

O projeto Kombee, especializado no desenvolvimento de educação ambiental, é um dos parceiros que está na feira com uma kombi customizada para atividades de educação ambiental. Quem passa pelo local conhece, por meio de uma visita guiada, espécies de abelhas sem ferrão, que são nativas do Brasil e excelentes polinizadoras. Também entendem como elas contribuem para a produção no campo, inclusive com demonstração da melhoria obtida com a polinização de frutos.


Além de Fernando Quenzer, dois médicos veterinários também viajam com o projeto Brasil afora para fazer o trabalho de conscientização em feiras, escolas, exposições e outros lugares para onde são convidados. Heitor Nallin e Guilherme Campanha também explicam e conversam com os visitantes, mostram os insetos, caixas com as operárias e a abelha rainha trabalhando, além de apresentarem o alimento para degustação.


 

Sobre a Tecnoshow Comigo

Com a proposta de auxiliar o produtor rural, a COMIGO iniciou, em 2002, o trabalho de geração e difusão de tecnologias agropecuárias, em Rio Verde, numa área que hoje ultrapassa 170 hectares (área total do CTC). Neste local, a cooperativa promove experiências tecnológicas o ano todo, em parceria com diversas instituições de pesquisa, de ensino e outras empresas, e realiza a Tecnoshow. A diversidade é uma marca registrada do evento. São máquinas e equipamentos agropecuários, plots agrícolas, animais das mais variadas espécies, palestras técnicas e econômicas, ações socioambientais e dinâmicas de pecuária, entre outros produtos e serviços. Trata-se de uma extensa vitrine de tecnologias para o homem do campo, seja pequeno, médio ou grande produtor.


FICHA TÉCNICA

Próxima edição da Tecnoshow Comigo já tem data marcada: será de 8 a 12 de abril

Local: Centro Tecnológico COMIGO (CTC) - Rio Verde – GO (Rodovia GO 174 S/N área rural de Rio Verde)

Horário: 8 às 18 horas

Entrada gratuita

Site: www.tecnoshowcomigo.com.br

Instagram: @tecnoshowcomigo

Twitter: @tecnoshowcomigo


INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA

Assessoria de Comunicação da COMIGO

Weuller Freitas – (64) 3611-1522 / 99627-9897

Pedro Cabral – (64) 3611-1335 / 99264-3739

Samir Machado – (64) 3611-1647 / 99941-2288


Voltz Comunicação – Assessoria de imprensa da TECNOSHOW COMIGO

Ana Manuela Arantes – (62) 98142-6323 – anamanuela@voltzcomunicacao.com.br

Fernando Dantas – (62) 99227-2631 – fernando@voltzcomunicacao.com.br

Renan Rigo – (62) 98522-6645 – renan@voltzcomunicacao.com.br


41 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page